RECEBA NOVIDADES POR EMAIL

Clube Vida em Grupo Rio de Janeiro- CVG-RJ
Rua da Quitanda, 159 - 12º andar
CEP 20.091-005 - Rio de Janeiro/RJ
Telefone (21) 2203-0393 / (21) 2213-2787
Email cvgrj@cvgrj.com.br

Copyright © 2018 - Clube Vida em Grupo Rio de Janeiro - CVG-RJ

Desenvolvido por:

Corretoras devem investir em marketing e vendas digitais, diz especialista em workshop do CVG-RJ



O marketing é uma das principais vias para promover a transformação digital dentro de uma corretora de seguros. Em workshop sobre o tema realizado pelo CVG-RJ nesta quarta-feira, 18 de abril, o fundador da Educa Seguros, Anderson Ojope, explicou quais são os primeiros passos desse processo. “É preciso avaliar quais são as possibilidades, dentro do campo tecnológico, para o seu negócio. Redes sociais, aplicativos, ferramentas?”, questionou.


Outra etapa é avaliar quais produtos se adaptam bem ao ambiente digital. No mercado de seguros, em que eles são complexos, ter essa sensibilidade é essencial. “Já há seguradoras que disponibilizam contratação 100% digital para determinados ramos”, exemplifica. A partir daí, é hora de organizar a empresa para receber as inovações: Ojope frisa que a equipe precisa ter capacidade de adaptação rápida, pois o cenário, na era digital, está sempre mudando.


“É importante centralizar canais de comunicação e pensar iniciativas focadas em um público bem definido”, afirma Ojope. Dentro do marketing, o chamado “inbound marketing” é o que o fundador da Educa Seguros acredita ser o mais adequado para os corretores. Ele atrai e converte clientes voluntariamente, com base na educação e no relacionamento com o cliente.


“Na prática, você oferece conteúdos relevantes ao seu público, seja por um blog, redes sociais ou e-mails, e vai acompanhando toda a sua jornada de compra, que começa com o aprendizado e termina com a decisão de compra”, descreve.


O palestrante indicou uma série de ferramentas que podem automatizar essa e outras tarefas do dia a dia de uma corretora de seguros, como a realização de cotações e a própria gestão de vendas – caso do CRM de funil de vendas. “Todas essas ferramentas, mesmo as que não são gratuitas, são mais baratas que a mídia paga no Facebook ou Google”, compara.


O encontro deixou ainda mais clara a urgência, entre os executivos de corretoras, de entender os novos moldes do mercado para se manter próximo ao consumidor, demonstrando o quanto a sua atuação acrescenta ao setor.


Certificação digital – Na ocasião, o representante da Fenacor Gabriel Pinheiro aproveitou para apresentar aos profissionais presentes a rede ID Seguro, iniciativa da federação junto ao Sincor-SP para emitir certificados digitais em todo o país.


Pinheiro os convidou a se tornarem Autoridades de Registro (AR), ou seja, realizar esse trabalho em parceria com a entidade. “É mais uma oportunidade de negócios para vocês”, afirmou. Entre outros serviços, a assinatura digital, por exemplo, permite a assinatura de contratos com validade jurídica a distância, por meio digital.


Pinheiro conta que, para expandir a atuação, o credenciamento para fazer parte da rede está sendo subsidiado pela Fenacor. “O único custo será com treinamento sobre o sistema, e o retorno em forma de faturamento parte de R$ 14 mil por mês”, finaliza.