MAG Seguros é indicada ao prêmio do Reclame Aqui 2021 na categoria Previdência


A MAG Seguros, companhia de 186 anos especializada em seguro de vida e previdência, foi indicada ao prêmio Reclame Aqui 2021. Concorrendo na categoria Previdência, o reconhecimento é fruto de uma estratégia da empresa de sempre ter o foco no atendimento ao cliente de forma mais assertiva possível. A premiação, que é considerada a maior do segmento do país, abrirá a votação no dia 1 de setembro.

A premiação surgiu há mais de dez anos com o objetivo de premiar as empresas que mais respeitam o consumidor. Ao longo desses anos, o Reclame Aqui reconheceu mais de mil marcas reconhecidas, com votações populares expressivas.

"É uma honra estar entre as melhores e essa classificação é resultado de muito esforço e dedicação de todos nós. Mesmo diante dos desafios impostos pela pandemia, conseguimos manter nosso time de atendimento ao cliente ativo, colocando sempre nossos clientes em primeiro lugar" pontua Claudia Mattioli, gerente de Relacionamento da MAG Seguros.

Vale destacar que a MAG Seguros é reconhecida pelo Governo Federal como a precursora da previdência no Brasil. Para mais informações sobre a premiação, acesse: https://premio.reclameaqui.com.br/sobre-premio

Sobre a MAG Seguros

A MAG Seguros é a seguradora especializada em soluções de seguro de vida e previdência do Grupo Mongeral Aegon com mais de 186 anos de atuação ininterrupta no país. Destaca-se por ser uma companhia muito inovadora, uma das três empresas mais longevas do Brasil e especialista na oferta de produtos sob medida para os seus clientes. Com mais de 4 milhões de vidas seguradas, a MAG Seguros teve um crescimento de 12% das Receitas de Prêmios e Contribuições, superando R$ 1.6 bilhão, em 2020. No mesmo ano, as Provisões Técnicas líquidas de resseguro totalizaram R$ 1.3 bilhão e o Lucro Líquido da seguradora foi de R$ 58,1 milhões. Com 47 unidades de vendas no país, a seguradora conta com mais de 1.200 colaboradores, cerca de 800 parceiros de negócio e mais de 4 mil corretores.

0 comentário