RECEBA NOVIDADES POR EMAIL

Clube Vida em Grupo Rio de Janeiro- CVG-RJ
Rua da Quitanda, 159 - 12º andar
CEP 20.091-005 - Rio de Janeiro/RJ
Telefone (21) 2203-0393 / (21) 2213-2787
Email cvgrj@cvgrj.com.br

Copyright © 2018 - Clube Vida em Grupo Rio de Janeiro - CVG-RJ

Desenvolvido por:

Prêmio Prudential Espírito Comunitário anuncia os projetos vencedores de jovens voluntários no Rio

As ações premiadas abordam temas como educação, saúde e responsabilidade social


Os três vencedores do Prêmio Prudential Espírito Comunitário 2018 foram divulgados, nesta quinta-feira (06/12), em cerimônia realizada no Teatro Riachuelo, no Rio de Janeiro. A medalha de ouro ficou com Vinícius Cavalcanti, de 18 anos, com o projeto ”Grandes A(l)titudes”, no qual lecionou português e matemática em colégios públicos e engajou mais pessoas para fazer o mesmo que ele e ainda organizou um sistema de ensino para atingir mais pessoas. Já a jovem Kézia dos Santos, de 18 anos, levou a medalha de prata ao impactar mais de duas mil pessoas com o “Viva Bem”, difundindo bons hábitos alimentares na sua escola com palestras para prevenir doenças como diabetes. E o Ian Araújo, de 17 anos, recebeu a medalha de bronze ao montar o “4Fs” e angariar R$ 15 mil para instituições filantrópicas que estavam com problemas financeiros.  


A quarta edição do Prêmio recebeu a inscrição de 1.076 projetos, um aumento superior a 1000% em relação à primeira edição em 2015. A iniciativa, promovida pela seguradora Prudential do Brasil, reconhece as ações de jovens de escolas públicas e privadas, de 14 a 19 anos, da Região Metropolitana do Rio de Janeiro, que praticam o voluntariado e transformam a vida de muitas pessoas.


A partir de critérios como esforço, impacto social, desenvolvimento pessoal, inspiração e informações complementares, foram selecionados 30 finalistas que concorreram a prêmios em dinheiro nos valores de R$ 10 mil, R$ 5 mil e R$ 3,5 mil, para serem doados a projetos sociais indicados pelos participantes. O primeiro e o segundo lugar ganharam, ainda, uma viagem para Washington, capital dos EUA. Nessa viagem, marcada para o mês de maio de 2019, eles representarão o Brasil entre todos os ganhadores do Prêmio Prudential Espírito Comunitário de outras operações da companhia pelo mundo.


Medalha de ouro


Vinícius Ferraço Nassif Lisbôa Cavalcanti, Escola Nova Gávea – Gávea


Para Vinícius, 18 anos, o conhecimento não deve ser guardado, mas compartilhado. Com essa ideia na cabeça e a vontade de transformar vidas, ele criou o “Grandes A(l)titudes”, que busca melhorar a qualidade do ensino em escolas públicas. Tudo começou quando o estudante passou a dar aulas de português e matemática em um colégio municipal. Ao chamar mais pessoas para seguirem seu exemplo, ele viu o número de voluntários crescer e organizou um método para que as aulas conseguissem abranger mais pessoas. O projeto cresceu e se voltou para alunos que apresentam dificuldades para aprender por conta de problemas como déficit de atenção e autismo.


Não queria ser só mais uma pessoa flutuando no planeta, queria ser um indivíduo capaz de mudar vidas. Além de ajudar a educar pessoas menos favorecidas, o projeto abre os olhos para as grandes diferenças sociais do país”.


Medalha de prata


Kézia Yasmin Bandeira dos Santos, Escola Estadual Professor Murilo Braga – São João de Meriti


Perder uma amiga de apenas 15 anos para a diabetes deixou Kézia, 18 anos, assustada. A tragédia despertou na estudante a vontade de alertar outros jovens sobre a necessidade de cultivar hábitos saudáveis. Nasceu, então, o projeto “Viva Bem”, que logo foi abraçado por diretores, professores e alunos da escola de Kézia. A iniciativa promove palestras para discutir temas relacionados à saúde, e mostra como maus hábitos podem ser a porta de entrada para algumas doenças. O projeto fez tanto sucesso que foi aplicado em outras escolas e, até o momento, atingiu mais de 2.000 jovens.


Nossa, eu aprendi muita coisa! Precisei me capacitar muito para poder passar as informações corretas para outros jovens. Aprendi a olhar para as pessoas com a intenção de ajudar de qualquer forma. Em vários momentos me senti realizada“.


Medalha de bronze


Ian Vaz Araujo, Escola Santo Inácio – Botafogo


Durante uma viagem a Minas Gerais, Ian, 17 anos, descobriu que muitas instituições filantrópicas da região estavam enfrentando problemas financeiros. Comovido com a situação, o jovem e mais cinco amigos criaram o “4Fs”, projeto que capta recursos para projetos sociais. Para isso, conecta pessoas que querem fazer doações a instituições que precisam de recursos para se manter. O estudante usou as redes sociais para divulgar a iniciativa, além de promover eventos e atividades para arrecadar dinheiro. No total, Ian juntou R$ 15 mil, que foram distribuídos entre várias instituições filantrópicas.


Minha maior lição é que podemos ser protagonistas na nossa sociedade. Somos capazes de ser agentes transformadores da realidade. O momento mais incrível foi quando fomos às instituições entregar o dinheiro arrecadado”.